Anuncie Aqui

Covid: Brasil contará 10 mil mortes no dia em que Bolsonaro chama churrasco

237
PLIS Rotativo

Após chegar a 145.328 casos oficiais e 9.897 óbitos por covid-19 ontem (8), o Brasil deverá superar a marca de 10 mil mortes oficialmente atribuídas à doença neste sábado (9), dia em que o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirma que realizará um churrasco.

Os óbitos pela doença causada pelo coronavírus subiram um patamar no Brasil nos últimos três dias, chegando a 751 mortes registradas ontem. É o novo recorde de vítimas fatais contabilizadas em 24 horas: haviam sido entre 600 e 615 da terça à quinta-feira. E o número de vítimas é ainda maior, dados a defasagem na atualização dos dados e a subnotificação.

Mesmo assim, Bolsonaro debochou da pandemia em dois dias seguidos desta semana. Na quinta-feira (7), em entrevista coletiva, o presidente falou em um churrasco no Palácio da Alvorada e estimou os convidados em cerca de 30 pessoas. “Vamos bater um papo, quem sabe uma peladinha”, disse na ocasião.

Ontem, Bolsonaro insistiu no assunto, em uma espécie de convocatória a seus apoiadores. “Vou chamar uns 1.300 convidados, mas quem tiver amanhã aqui, se tiver mil, a gente bota para dentro”, falou rindo.

uol

você pode gostar também
Comentários
Loading...